Archive for Junho, 2011

DESTAQUES DA “VEJA” DA SEMANA

Destaco da revista “Veja” desta semana, os assuntos:

“CABRAL O MUY AMIGO”, reportagem que revela a relação promíscua entre o governador Sergio Cabral do Rio de Janeiro, e o empresário (mega construtor) Fernando  Cavendish, dono da Delta Construção S.A. cuja empresa recebeu em obras do governo do Cabral,a mais de UM  BILHÃO  DE REAIS, dos quais R$ 127 MILHÕES, SEM LICITAÇÃO !  Cabral tem recebido favores desta empresa, e….. “acha normal” !

PRB  DENUNCIADO.  O advogado  Leocir Schiavini, fundador do PRB, está acusando os integrantes da direção nacional do PRB de fraudes, caixa dois etc.

MISTÉRIO DE ALOPRADOS.  A Veja foca ainda a velha questão da compra do “dossiê Serra”,  (falso, foram engambelados), que teria sido comandado  pelo atual ministro Aloisio Mercadante do PT e outros, em face de denúncias de petistas que assistiram o lance.  Uma coisa é verdade,  e fico intrigado com um detalhe. ORA PIPOCAS, APARECEU MAIS DE UM MILHÃO DE REAIS EM GRANA NESTA HISTÓRIA,  DENTRO DE UMA CAIXA, QUE FOI FILMADA  E APREENDIDA PELA POLÍCIA FEDERAL PERGUNTO : O QUE A POLÍCIA FEDERAL  FEZ COM ESTA GRANA DE ORÍGEM  “DESCONHECIDA”  ?  ONDE  ESTÁ ESTA BAITA  GRANA ? A foto do tutú está na Veja.

O PREFEITO CHICO MACONHA.  O município gaúcho de Triunfo (de nome altaneiro), fica perto de Porto Alegre. Lá tem um  prefeito conhecido por  “Chico  Maconha”, ou Pedro Francisco Tavares (PDT), que segundo a Veja, o gajo do prefeito, seu vice e mais quatro vereadores, estão sendo acusados pela Promotoria Pública, de  tentarem aliciair eleitores com maconha, cocaína e crak, nas últimas eleições.  Lá, com certeza a tal  de “marcha da maconha” faria um sucesso  “supimpa” !

Anúncios

O QUE FAZER COM OS BANDIDOS PRODUTO DAS UPPs ?

AS  “UPP”  NÃO DERAM RESULTADOS PRÁTICOS.  O badalado e caríssimo sistema de segurança implantado pelo governador Sergio Cabral nos morros cariocas, com as UPP-UNIDADE  DE POLÍCIA PACIFICADORA, em verdade não resolveu o grave problema de segurança do Rio de Janeiro, simplesmente pelo fato de que a polícia carioca ao ocupar os morros, O FAZ  COM AVISO PRÉVIO  AOS BANDIDOS NARCOTRAFICANTES, os quais simplemente saem numa boa e desocupam o morro da nova UPP implantada.  E daí…..

PARA ONDE VÃO OS  BANDIDOS ?  Simplemente migram para outras regiões, para novas periferias de centros  urbanos, tal qual aconteceu com os marginais do morro da Mangueira.  Estas UPPs. não eliminam e tampouco prendem os bandidos na sua totalidade, ou seja, A CAUSA DO PROBLEMA CONTINUA VIVA, ANDANDO  E ASSALTANDO  NAS  RUAS  NUMA  BOA !   Esta atitude de “aviso prévio”, foi divulgada pelas próprias  autoridades cariocas, pelo que a bandidagem agradece, claro !   Vejam que absurdo.  Mais parece um teatro do absurdo, um jogo de cena  com mentirinhas,  que passam a impressão que o banditismo acabou….NÃO  NÃO  ACABOU……SIMPLEMENTE  MIGROU ,  CAROS  MORTAIS.  AS  UPPs.  NASCERAM MORTAS  AO  NÃO SABER O QUE FAZER COM OS BANDIDOS QUE DOMINAM OS MORROS HÁ SÉCULOS.

UPP DEVE MUDAR DE NOME.  Até que o governador Sergio Cabral não tome uma atitude de ordem legal, prendendo  de fato  TODOS OS TRAFICANTES DO RIO DE JANEIRO,   mudemos o nome  ” U P P ”  para:   “UPEB”-UNIDADE POLÍCIA  ESPANTA  BANDIDOS .

FALIU O SUS E O SISTEMA PRIVATIZADO DE SAÚDE

COMO SURGIRAM AS EMPRESAS PRESTADORAS DE SERVIÇO DA SAÚDE.  Lembro bem quando  tecnocratas do Governo Federal, passaram a defender a implantação de UM SISTEMA DE SAÚDE PRIVATIZADA.  Eram os tecnocratas a serviço das idéias liberais, dizendo que o Estado não podia financiar  ou  subsidiar os gastos com a saúde do povão.  Através de lei e pressão no Congresso Nacional,  vieram as empresas prestadoras de serviço de saúde.

OS DOIS  SISTEMAS FALIRAM.  Assim criaram dois sistemas de assistência à saúde. Um privatizado para a classe média e outro para os mais pobres, através do Estado, quando criaram o SUS-SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE,  que até hoje  NUNCA FUNCIONOU.  HÁ CASOS DE ESPERA DE EXAMES DE DOIS ANOS, O QUE TEM LEVADO O PACIENTE A MORTE.  No começo, o sistema de sáude PRIVATIZADO funcionou bem.  Mas aos poucos as prestadoras de serviço na saúde, iniciaram um processo de glosa de serviço médicos e implantaram um sistema de desvalorização dos serviços dos médicos contratados.

O IMPASSE NO SISTEMA.  Não deu outra. Hoje os médicos querem se  descredenciar em massa, e os usuários do sistema não aguentam pagar o alto custo da SAÚDE PRIVATIZADA, que assiste-os muito mal.  Enfim, o SISTEMA PRIVATIZADO NA SAÚDE  ESTÁ PROCESSO DE FALÊNCIA, e o SUS-SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE, já nasceu morto.

CURITIBA CAPITAL “INACESSÍVEL”

Curitiba é a capital da INACESSIBILIDADE, devido ao péssimo  planejamento e a turrice de alguns arquitetos que teiman e insistem no modelo de calçadas  de “louzinhas” medievais, e dos irritiantes  “petit-pavê”,  que seguem o no modelo das caalçadas feitas com as malditas pedrinhas em branco e preto,   cantadas em prosa  pelo  arquiteto Lerner, como “o tapete de Curitiba”. Que o digam os saltos altos estourados dos sapatos das “moçoilas”  de Curitiba.

IRRESPONSABILIDADE LEGAL.  Algum artista muito vivo, arquitetou uma lei, jogando a conservação das calçadas de Curitiba para  os proprietários dos imóveis, cuja lei nunca foi aplicada, pois é inconstitucional, já que a área da calçada faz parte da área da rua, QUE É DE PROPRIEDADE DO MUNICÍPIO.  Com esta lei posta, a Prefeitura e seus prefeitos LAVARAM AS MÃOS E ABANDONARAM  A CONSERVAÇÃO DAS CALÇADAS ,   e deu  no que deu. UM CAOS.

“MENOS  DE  UM POR CENTO  DAS CALÇADAS  DE CURITIBA DÃO ACESSIBILIDADE”.    Este é o título da reportagem publicada hoje no Jornal do Estado,  com base em pesquisa do arquiteto Ricardo Mesquita,  cujo  trabalho resultou nesta triste revelação do caos de Curitiba,  tida  como Capital exemplo para o país, porém menos nese quesito CALÇADAS, e também em outros, a exemplo do lançamento nas valetas, córregos e rios,  de uns 50 % de  água contaminada de esgoto de fossas domésticas de Curitiba.  Sabiam desta ?

DESTAQUE NOTÍCIAS DO “JUS BRASIL”

Do site “Jus Brasil”, merecem atenção as notas abaixo:

Municípios devem garantir matrículas perto de casa (ALÔ PREFEITOS).O Judiciário pode obrigar o Executivo a matricular crianças em escolas e creches próximas de suas residências ou dos locais de trabalho dos seus pais. O entendimento é do ministro do STF Celso de Mello.

Obrigação de fazer flexão de braços é causa de dano moral.Dez mil reais é o valor que a NET Sorocaba Ltda. pagará por ter permitido que um coordenador comercial obrigasse uma funcionária a fazer flexão de braços durante o serviço, na frente de todos os colegas.
Serys admite que PT montou dossiês nas eleições de 200.A ex-senadora pelo PT do Mato Grosso, Serys Slhessarenko, disse na quarta-feira (22) que o petista Expedito Veloso, implicado no “escândalo dos aloprados” admitiu em conversas com ela que integrantes do partido haviam montado dossiês na campanha de 2006, informa Rubens Valente na Folha desta quinta-feira (íntegra disponível para assinantes do jornal e do UOL, empresa controlada pelo Grupo Folha, que edita a Folha).

Naquele ano também foram encontrados documentos reunidos pelo partido para tentar atingir a candidatura do tucano José Serra ao governo de São Paulo. Serys é a primeira petista a confirmar a montagem de dossiês na campanha.

BOCA MALDITA FALOU DAS “SUPER-SECRETARIAS” DE BETO RICHA

SUPER OU “BIG-SECRETARIAS” ?   Neste final de semana na Boca Maldita de Curitiba, o papo mais badalado, foi sobre a explicação que o  governador  Beto Richa (PR) deu, sobre as duas SUPER-SECRETAARIAS que ele criou para seu irmão, Zé Richa e para sua esposa Fernanda Richa.  Os “corneteiros” da Boca, perceberam na entrevista do Beto Richa, que ele estava inseguro e chiou muito, quando a opoisção passou a classificar o novo esquema, como SUIPERSECRETARIAS.  Comentaram que ele não gostou do apelido de “super”.  Bem, isto é só uma questão de semântica.  A oposição bem que podia colaborar com o governador, e chamar estas duas secretarias “dinásticas”,  de  “BIG-SECRETARIAS”.  Dava-se  uma disfarçada.

CURSOS DE DIREITO EM BAIXA

FACULDADES LEILOADAS ?  A OAB Nacional, denunciou que EXISTEM  MAIS FACULDADES DE DIREITO NO BRASIL, DO QUE NO RESTO DO MUNDO ! Um absurdo de estatística  que cresceu na base de muitos interesses financeiros.  As denúncias da OAB Nacional não bastaram, e tampouco o “vestibular” da OAB para licença do exercício da profissão. O Ministério da Educação, autorizou o funcionameno de faculdades de direito no país aos borbotões, em cascata, onde entraram muitos interesses.  Formam-se hoje  milhares de advogados anualmente no país.  O mercado foi aviltado, pois a cada esquina você encontra um advogado.  A profissão do advogado  FOI DESVALORIZADA,  pois a maioria dos cursos de direito não têm qualidade, e só agora o MEC acordou e está fechando algumas faculdades de fachada.

RESULTADO DA FROUXIDÃO.  Hoje, nos vestibulares do país, a procura pelo curso de direito  está em queda livre  pelo excesso de formação de advogados anualmente, sendo seguro  afirmar que A PROFISSÃO DE ADVOGADO NÃO TEM MAIS AQUELE CHARME DE ANTIGAMENTE, E TAMBÉM NÃO TEM MAIS O VALOR QUE A SOCIEDADE LHE DAVA ANTES, INCLUSIVE NA QUESTÃO DO RESPEITO.  O exercício da advocacia está em baixa. Que o digam as estatísticas das inscrições aos vestibulares nos cursos de direito no país.