Archive for 23 de Outubro, 2011

ALASTRA-SE CRÍTICA CONTRA O MODELO ECONÔMICO E POLÍTICO ATUAL

CIDADÃO COMUM AMERICANO REVOLTADO.  Recebi um e mail da JAQUELINE  KOPP, onde ela anexou uma entrevista de um americano indignado com os políticos americanos, democratas e repúblicanos, culpando os políticos e banqueiros pela sugação da grana do povão americano.  A entrevista impactante está rodando o mundo pela internet, pelo seu choque e clareza do americano na aanálise da atual crise mundial, causada pela demagogia e esperteza dos banqueiros e dos  políticos , verdadeiros sangue-sugas do dinheiro do mundo.  Se espertem moçada. O mundo está mudando.

Anúncios

“MOTOR A HIDROGÊNIO E O “PRÉ-SAL” DO LULA

VEJA O MOTIVO DO ATRASO DESTA NAÇÃO (?) BRASIL.  Hoje recebi um comentário de um post que fiz neste blog em 01/09/209, há mais de dois anos.  Vale a pena VER DE NOVO, o texto desta matéria, sobre o equívoco da euforia exagerada do pré-sal, envolvendo verdadeira guerra entre os Estados do país, guerra  euivocada, pois deveriam discutir  TAMBÉM a modernidade de novas fontes energéticas, e não ficar só nessa  guerra do petróleo do Pré-Sal.  

A LÓGICA DA CRÍTICA.  Deixo claro para alguns comentários favoráveis a “badalação” da exploração do pré-sal que;   “É CLARO QUE NECESSITAMOS DO PETRÓLEO,  E PRINCIPALMENTE  DOS SEUS DERIVADOS PARA A INDÚSTRIA DE MODO GERAL “, porém isto NÃO JUSTIFICA aque se abandone por completo pesquisas de novas fontes energéticas não poluentes, como se faz no Governo do PT.

A BURRICE.  Alguém pensou em vincular um percentual do “pré-sal”, para o desenvolvimento de  ENERGIA A HIDROGÊNIO ?  Que tal a EMBRAER e a indústria de automóvel receberem uma grana em INCENTIVO desenvolver  esta tecnologia que já vai entrar no mercado ?  Que tal destinar uma “graninha”, para o desenvolvimento de tecnologia de usinas EÓLICAS ?  Os chineses, hoje , são os terceiros maiores fabricantes  com desenvolvimento em tecnologia nesta energia limpa.  De onde estamos importando as usinas eólicas  do Nordeste ? 

A CEGUEIRA HISTÓRICA.   A minha crítica foi dirigida a HISTÓRICA  CEGUEIRA  (conivente ?), dos dirigentes do país, pela falta de investimentos nas áreas de pesquisa e no desenvolvimento de um motor a hidrogênio, tal e qual  fazem nos países de primeiro mundo.  Entenderam reles mortais ?  Amanhã estaremos importando e pagando caro pelo uso de veículos movidos a hidrogênio (não poluentes)  fabricados no estrangeiro.

VEJA O COMENTÁRIO.   Para ver o comentário “polêmico”,  com fotos e projeto do motor a hidrogênio, clique no google:  “Motor a Hidrogênio e o Pré-Sal do Lula “.

DEP. ROSINHA PT CURITIBA CONTRA ALIANÇA COM FRUET PDT

GRAVAÇÃO VÍDEO DO  “IMPACTO-PARANÁ ” REVELA CHOQUE PDT E PT. ?  Acabei de ver e ouvir o vídeo postado no jornal Impacto Paraná   (www.impactopr.com.br ), onde  o dep. fed. ROSINHA (PT), faz duras críticas ao candidato a prefeito de Curitiba, GUSTAVO FRUET  (PDT), devido a uma possível aliança que a cúpula do PT do Paraná pretende fazer com o FRUET, possivelmente indicando o vice na chapa do PDT.  Dizem na Boca Maldita que este esquema já estaria acertado, e o vice do  PT na chapa do FRUET, seria o dep. fed. VANHONI  (ala majoritária do PT). .

AS “CACETADAS”  DO ROSINHA.  No vídeo, Rosinha discurssa para os militantes do PT Estadual (PR), onde defende candidatura própria do PT à  Prefeitura de Curitiba, e onde se coloca como um dos candidatos  De sobra (ou de “nhapa”), deu estas  cacetadas no  FRUET:

1 –  “O PT é o  “namoradinho” por causa de seu tempo de TV”.  2 – “O rapazinho” (GUSTAVO FRUET),  não quer a aliança com o PT,  só quer o tempo de TV do PT”.  3 – ” Os eleitores dele devem nos odiar”.  4 – SE o PT possibilitar minha candidatura, eu garanto  que logo alcanço  o “rapaz”  (GUSTAVO FRUET), pois hoje o PT sai com 10 % de preferência nas pesquisas “.

SAI A ALIANÇA ?  O chamado “grupo majoritário” do PT do Paraná, tem a maioria folgada nas decisões do Partido.  Pelo que se fala na Boca Maldita de Curitiba, esta ala “majoritária”, já teria decidido impor esta aliança com FRUET do PDT, indicando seu vice-prefeito na chapa do PDT.  A ala do dep. Rosinha, é minoritária e por isto já estaria derrotada previamente nesta disputa interna, o que de certo modo enfraquecerá a campanha de FRUET caso saia a coligação. Os contra, ficam “em casa”, na campanha.

“O SUL É O MEU PAÍS” RESULTADO DE PESQUISA

MOVIMENTO O SUL É  O MEU PAÍS.  Recebi e mail do site RADIO PORTAL DO SOL, de São José dos Pinhais (PR), onde foi divulgada a pesquisa feita nas três CApitais dos Estados da Região Sul do país, PR, SC e RGS, cujo resultado  FOI PELA SEPARAÇÃO  DESTES  ESTADOS  DO  PAÍS.  Vejam alguns  detalhes da pesquisa (19/10/11) :

PESQUISAS NAS CAPITAIS COMPROVAM QUE SE HOUVESSE UM PLEBISCITO SUL SE SEPARARIA IMEDIATAMENTE

Porto Alegre.

Segundo os dados divulgados pelo Gesul, dos 664 portoalegrenses entrevistados, 48,20% posicionaram-se favoráveis a separação do Sul, sendo que 35,40% colocaram-se contra a proposta e apenas 16,40% ainda estão indecisos. “Ficamos todos surpresos e ao mesmo tempo felizes, pois trata-se de um resultado robusto, nos dando fortes indicativos de que com um bom trabalho naquela capital logo ultrapassaremos os 50% de aprovação. Certamente este é nosso objetivo para 2012, quando novamente pretendemos consultar os eleitores daquela capital”, diz Deucher.

Resultado apertado, mas positivo em Florianópolis

O Gesul já havia divulgado no último dia 8 de outubro os resultados da pesquisa realizada em Florianópolis onde foram entrevistados 663 eleitores e destes, 41,20% se posicionaram a favor da separação, enquanto 40,50% foram contra a proposta e 18,30% confessaram-se indecisos. “É uma vitória apertada, mas que foi muito comemorada por nós do Movimento já que as capitais sempre foram bastante difíceis de se trabalhar a questão separatista”, diz o presidente do Movimento O Sul é o Meu País.

Curitiba tem o maior número de indecisos

Ao todo foram pesquisados 652 eleitores e os resultados foram os seguintes: 35,4% votaram a favor da proposta de separação do Sul, sendo que 36,8% declaram ser a contra da separação e 27,8% declaram-se indecisos. “Nossa proposta perdeu por apenas 1,4%, o que consideramos um percentual realmente muito pequeno, visto que a margem de erro da pesquisa é de 5%. No entanto, estes números alertaram aos nossos compatriotas daquela capital mostrando a necessidade de se fazer um grande e duradouro trabalho de esclarecimento da população em relação à questão, pois este número de indecisos indica que as pessoas ainda não conhecem nossa proposta”, diz Celso Deucher.