Archive for 21 de Janeiro, 2012

SEGREDINHO DA BOCA MALDITA E O METRÔ DE CURITIBA

ESTÃO  “AMARRANDO”  A CONSTRUÇÃO DO METRÔ DE CURITIBA ?  Talvez ainda não estejam,  mas……  Vejam este papo.  Um gajo, engenheiro, super “sabidão”  das coisas de bastidores de nossa ex-“terra do pinheirais”,  passou pela Boca Maldita e lá bati um papo com o dito gajo.  ELE ESTÁ ESTRANHANDO QUE ATÉ  AGORA  A GRANA FEDERAL PARA CONSTRUÇÃO DO METRÔ DE CURITIBA NÃO DÊ ARES  DE SUA GRAÇA, OU DE LIBERAÇÃO.  Disse que “parece” que a grana só vai ser liberada, DEPOIS que o Palácio do Planalto designe  grana também para os metrôs de outras capitais do país, que estão na relação  PAC 2 da grana a ser liberada.  Querem fazer um só anuncio ?  E O TEMPO ? O tempo não para.  Vide que o relógio não para, e segue no “pac, pac, pac, pac, pac “…..  isto é; no “tic-tac, tique-tac, tic-tac,  tic-tac”……  ” O  tempo não para”, já dizia o filósofo australiano “Grecus and Troianús” !

CAOS NA SEGURANÇA PÚBLICA NA TRÍPLICE FRONTEIRA.

“TAXA DE HOMICÍDIO NA FRONTEIRA COM  PARAGUAI BEIRA O ABSURDO”, é a manchete da Gazeta do Povo de 27/1/12.  Os detalhes. “Com62,2 mortes para cada cem habitantes, índice do lago de Itaipú , É O DOBRO DA DO PARANÁ”.  Cidades pacatas se tornaram violentas “.

 A LENTIDÃO LESMA DO “PLANO NACIONAL NACIONAL DE FRONTEIRAS”.  Só o Estado do Paraná, com seus 27 % da arrecadação dos tributos, NÃO TEM CONDIÇÕES DE GRANA PARA ENFRENTAR SOZINHO  O HECAOMBE SOCIAL QUE ESTÁ SE TORNANDO A SEGURANÇA NA TRIPLICE FRONTEIRA.   O Governo Federal, com seus 60 % dos tributos, sim é quem ” poderia”  ajudar a solucionar este caos na segurança fronteiriça internacional, e para tanto,  divulgou com estardalhaço  EM JUNHO DE 2011, que iria implantar , o  ” PLANO  NACIONAL DE FRONTEIRAS “, que previa uma sérias de medidas modernas de segurança contra os traficantes, assassinos  e contrabandistas, com aviõesespiões  sem piloto, com as Forças Armadas na vigilância das fronteiras secas, trabalho conjunto entre Polícia Federal, Receita Federal, Polícia Civil e Militar do Paraná, etc. etc. etc.

ATÉ QUANDO ?  De junho de 2011, para JANEIRO DE 2012,  lá se foram SETE  MESES, e nada do “Plano” rolar na prática.  Cada vez que um aviãozinho voa na região do contrabando de Foz do Iguaçu, todos imaginam….”deve ser o avião espião fotografando e filmando”, mas não é. Até agora, “necas-petibiribas” de funcionamento do PLANO NACIONAL DE FRONTEIRAS.  Que venha logo, o “Plano Aparato”,  se não os índices de criminalidade na região de FOZ vão explodir. 

OBSERVAÇÃO.    “Não acreedito que a demora seja por problema político de disciminação contra o governador BETO RCIHA (PSDB), pois iso seria um tiro no pé. “

PAPOS NA BOCA MALDITA DE CURITIBA NESTE SÁBADO

BOCA MALDITA COM MEIA FREQUÊNCIA FALOU.   Neste sábado ensolarado e raro em Curitiba, com uns 50 % da frequência normal  devido as férias,  o papo que rolou na Boca foi o seguinte;

1 – PESQUISA PARA PREFEITO DE CURITIBA.  Dizem por lá que deve sair na próxima semana o resultado de duas pesquisa para prefeito de Curitiba desta eleição.  Uma seria do DATAFOLHA (jornal Folha de S. Paulo), e a outra seria do IBOPE, sendo que esta última foi confirmada por um personagem da Boca, que disse ter sido consultado pelo IBPOPE.

2 – DECISÃO DO PT DE CURITIBA NO APOIO AO GUSTAVO FRUET (PDT) PARA PREFEITO.  Pessoa ligada ao PT de Curitiba disse que a reunião para o PT bater (ou não), o martelo em apoio ao GUSTAVO FRUET para prefeito de Curitiba, deve sair na segunda feira, dia 23/1/12.  Um gajo analista da política, disse que não vai ser fácil esta aprovação, em face da dissidência dos deputados TADEU VENERI e ROSINHA, os quais querem candidatura própria e não abrem mão disto.  Dizem que todo o pessoal do PT das “Araucárias”, vai ser enquadrado com imposição  do “CENRALISMO DEMOCRÁTICO”.  Vai ser na base de duas soluções: APOIAR ou APOIAR,  o Gustavo Fruet,  e  passar uma borracha no passado do ex-oposicionista do PT.

3 – REFORMA POLÍTICA.  Foi muito comentada a proposta do dep. fed. MIRO TEIXEIRA (PDT), que prevê um plebiscito nas eleições de 2014, para que o eleitor se manifeste sobre a REFORMA POLÍTICA.  No projeto do Miro, constam as opções: Eleição proporcional ou distrital; distrital misto; distritão; ou voto em lista fechada.  Além disto, propõe decisão sobre o financiamento público de campanha eleitoral.   Um gajo sarcástico disse:  ” Esqueçam. Os deputados não vão apoiar projeto que fere seus interesses.  Lá a ordem é legislar em causa própria, e fim “, cuja análise foi confirmada pelo próprio MIRO TEIXEIRA, nesta frase: 

” Há hoje  desconfiança natural e justa de parte da população sobre qualquer proposta de reforma política que saia do Legislativo, POIS, EM VÁRIAS OCASIÕES EM QUE ISSO OCORREU, TIRARAM PODER DO POVO “

CORRUPÇÃO EM BRASÍLIA CHEGA AO CNJ

CORRUPÇÃO NA “TERRA DA FANTASIA” FLORESCE ATÉ NO CNJ.  O Conselho Nacional de Justiça demitiu dois diretores de informárica, por divergências em uma grossa corrupção de licitação pública para o programa DATA CENTER DO CNJ.  Vejam vocês como é facíl ficar milionário em Brasília, na base das chicanas e manobras corruptas nas licitações publicas,  que florescem de modo vergonhoso, regadas pelo adubo da impunidade legal da política do LIBEROU GERAL no país.  As denúncias foram divulgadas pela  BAND NEWS FM agora pouco. Vejam:

Caso CNJ: repórter sofre tentativa de suborno

“Dizendo representar as vencedoras de licitação R$ 68,6 milhões do Conselho Nacional de Justiça, o sr. Geraldo Tavares Jr, consultor da AFB Advocacia, com sede em Brasília, ofereceu propina a um repórter da rádio BandNews FM Brasília para que a emissora e esta coluna divulgassem o assunto sob a ótica dele. A conversa foi gravada. As empresas CDS e NTC, parceiras da Oracle e vencedoras da licitação, negaram que Tavares Jr estivesse autorizado a falar em nome delas.

O ‘contraponto’.  Geraldo Tavares Jr procurou a rádio dizendo pretender esclarecer as críticas à licitação, aliás realizada no prazo recorde de nove dias.

Dinheiro na conta.  Segundo o repórter, o consultor propôs propina. Sócio da AFB, Edvaldo Costa Barreto Jr afirmou que seu escritório representa a CDS/NTC.

Salto milionário.  O projeto de ampliação do datacenter do CNJ, inicialmente estimado em R$ 5 milhões, acabou custando 14 vezes mais: R$ 68,6 milhões.

Divergência eliminada.  O CNJ afastou o ex-diretor de Informática, Declieux Dantas, e a ex-diretora-geral, Helena Azuma, por divergirem da compra milionária.”