Archive for Março, 2012

JOSÉ SIMÃO PROPÕE MUDANÇA NO NOME DO DEMÓSTENES

A MUDANÇA.  O humorista JOSÉ SIMÃO (Band-News), sugeriu que no caso da expulsão do senador DEMÓSTENES , do seu partido o DEM, ele deve mudar seu nome, ficando somente com o nome  “OSTENES“,  já que vai  perder o,  “DEM“.  Completou o Simão; “é isso que dá meter-se com “Cachoeira” : ……..”.MOLHOU  A MÃO “.  Pano rápido !.

“OI” NÃO PODE COBRAR INFORMAÇÃO DO 102 ATÉ FORNECER LISTA TELEFÔNICA

TELEFÔNICA OI PERDE LIMINAR NA JUSTIÇA.  Esta é uma boa. A OI (telefone celular), não poderá mais cobrar por informação ao usuário no fone 102,  DE AUXÍLIO A LISTA, até que entregue  GRATUITAMENTE  aos seus clientes uma lista de telefones, conforme exige a lei.  O Dr. José A. D. Borges, juiz  do Tribunal  Federal da 2a. Região,  concedeu LIMINAR ao Ministério Público neste sentido.  Vejam os detalhes da notícia: (Ref. Jus Brasil 28/3/12).

Oi não pode cobrar por uso do 102 até distribuir gratuitamente listas telefônicas

“A operadora de telefonia Oi não pode cobrar pelo acesso ao serviço de auxílio à lista, fornecido pelo número 102, até que a empresa distribua listas telefônicas gratuitamente a todos os assinantes. A ordem é do juiz federal convocado José Arthur Diniz Borges, que deferiu liminar pedida pelo Ministério Público Federal (MPF). O órgão ajuizara ação na Justiça Federal do Rio de Janeiro contra a Telemar Norte Leste S/A.

Em seus argumentos, o MPF lembrou que a Resolução 439, de 2006, da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), obriga as operadoras a distribuir listas sem ônus para os consumidores. A primeira instância negou o pedido de liminar e, por conta disso, o MPF apresentou agravo de instrumento no TRF2. O mérito da ação ainda será julgado pelo primeiro grau da Justiça Federal.

Na liminar, José Arthur Diniz Borges destaca que além da resolução da Anatel, a Lei 9.472, de 1997, estabelece que “é obrigatório e gratuito o fornecimento, pela prestadora, de listas telefônicas aos assinantes dos serviços, diretamente ou por meio de terceiros, nos termos em que dispusera a Agência”. 

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO RIO DE JANEIRO EMBOLA MEIO DE CAMPO PARA ESCONDER GANHOS “EXTRAS” ?

NO TJ DO RIO DE JANEIRO NA BASE DO “EMBOLA O MEIO DE CAMPO”.  Nem sequer o CNJ-Conselho Nacional de Justiça, com seus técnicos e especialistas na análise de folhas de pagamentos dos Tribunais do país, CONSEGUIRAM  DESVENDAR O MISTÉRIO DOS  “HIERÓGLIFOS”  CONTIDOS NA  FOLHA SALARIAL DOS CARDEAIS  E  SEUS AUXILIARES DO TC/RIO.  Só um cientista internacional especialializado nos estudos de egiptologia do cientista francês, Jean Fraçois  Champollion, poderá desvendar este mistério.   Se não, vejam esta notícia do site Ultima Instância de 29/3/12:

Nem CNJ entende caixa-preta de salários em tribunal do Rio

“Nem o CNJ (Conselho Nacional de Justiça consegue entender a folha salarial do Judiciário fluminense. A escassez de dados sobre pagamentos feitos a juízes, desembargadores e serventuários fará com que a Corregedoria do CNJ retome em abril a inspeção que está em andamento em unidades judiciárias e administrativas da Justiça comum estadual. As informações dadas até agora pelo TJ-RJ (Tribunal de Justiça do Rio) são consideradas insuficientes.”

A FALCATRUA DA SEMANA NO GOVERNO FEDERAL

FALCATRUAS EM PENCAS, EM CASCATA.  Esta semana já conteceu outra divulgação de nova falcatrua ou corrupção com a grana do povão em programa do Governo Federal.  Desta vez foi na obra da ” transporsição do Rio São Francisco”, lá pelas bandas do Nordeste. A denúncia é do TCU-Tribunal de Contas da União e envolve superfaturamento de SÓ  R$ 29  MILHÕES.  Vejam:  (Ref. Última Instância 29/3/12).

TCU aponta superfaturamento em transposição

“Auditoria do TCU (Tribunal de Contas da União) apontou superfaturamento de R$ 29 milhões num dos trechos da obra da transposição do São Francisco, localizado no Ceará, e mandou rever os custos do negócio. As novas licitações deverão consumir R$ 2,6 bilhões, segundo previsão do Ministério da Integração. As irregularidades encontradas no edital do lote cinco da obra foram consideradas graves, e incluem preços de até 143% acima dos cobrados pelo mercado, no caso da areia, além de suposta restrição à concorrência. O TCU mandou rever o edital antes do lançamento, previsto para abril. “

METRÔ DE SÃO PAULO PATINA NA LAMA. AQUI O CRIME COMPENSA DIZ MP

VEJAM TRECHO DE EMAIL QUE RECEBI DA MARINA NOVAES .  Ela é estudante de direito em São Paulo, e mandou um enorme e mail  (via Fórum Nacional Contra o Pedágio), sobre as falcatruas do METRÔ DE SÃO PAULO.  Repico o trecho mais importante do e mail:

MP-SP: fraude em licitação do Metrô gerou rombo d e R$ 232 mi

“O Ministério Público do Estado de São Paulo (MP-SP) denunciou, na última quarta-feira, 14 funcionários de alto escalão de 12 empreiteiras que formavam os consórcios vencedores da licitação para realizar as obras de expansão da linha 5-Lilás do Metrô paulistano. De acordo com o promotor de Justiça Marcelo Batlouni Mendroni, após dois anos de investigação, não há dúvidas de que essas construtoras formaram um cartel para fraudar a concorrência. O prejuízo aos cofres públicos, calcula a acusação, foi de R$ 232,7 milhões, no mínimo.

A denúncia foi encaminhada à 12ª Vara Criminal de São Paulo, mas a Justiça ainda não decidiu se irá processar, ou não, os acusados. Caso a Justiça aceite a denúncia, os réus responderão pelos crimes de formação de cartel e fraude em licitação, cujas penas variam de dois a cinco anos de prisão (cada crime), ou o pagamento de multa.

Para o promotor, o fato de a lei prever uma punição tão branda faz com que o crime “compense”. Na avaliação dele, dificilmente os acusados devem ser presos, mesmo se a Justiça concluir que houve crime.

“Essa previsão de pena extremamente leve faz com que muitos juízes apliquem as penas mínimas, ou seja, a pena de multa. (…) E qual é o cálculo que o empresário faz em uma situação dessas? ‘Bom, se eu for pego, eu vou pagar uma multa com o dinheiro que eu já roubei’, então o crime compensa”, avaliou.

Foram denunciados funcionários – entre executivos e diretores – das empresas Andrade Gutierrez, Camargo Côrrea, Mendes Júnior, Heleno & Fonseca, Triunfo Iesa, Carioca Christiani-Nielsen Engenharia, Cetenco Engenharia, Odebrecht, OAS, Queiroz Galvão, CR Almeida Engenharia e Consbem. Segundo o promotor, 13 dos 14 denunciados foram ouvidos pela Polícia Civil, sendo que todos negaram os crimes.”

“UÉ, UÉ ! ”  Será que alguém imaginaria que estas empresas iriam concordar com as acusações de crimes  do MP de São Paulo ?  Claro que não !  “Somos inocentes”, dizem.

O RESGATE DO FRANCENILDO COSTA. E O ERIBERTO DO COLLOR ? E O JOEL SANTOS FILHO DO MENSALÃO ?

HISTÓRIA DO CASEIRO FRANCENILDO VAI VIRAR FILME.  O cineasta MARCUS  BALDINI, vai produzir um filme que vai contar a história do pivot da tragédia do poderoso petista  PALOCCI, o caseiro FRANCENILDO  COSTA, que, embora sendo empregado do PALOCCI, quando foi interrogado do processo que desgraçou o futuro de PALOCCI, não titubeou e falou averdade.  O FRANCENILDO já assinou o contrato para as filmagens.   (Ref. coluna Radar – Veja 23/3/12).

CALVÁRIO DOS  “PIVOTs.” DE TRAGÉDIAS DE POLÍTICOS FAMOSOS.  O FRANCENILDO, pagou um alto preço por ter falado a verdade no processo do PALOCCI, pois a partir deste episódio não conseguia emprego.  Ficou marcado (por ser honesto), como ficaram o motorista de COLLOR DE MELLO , o ERIBERTO  FRANÇA,  assim como ficou também em desgraça  o advogado curitibano JOEL DOS SANTOS FILHO, que deu o  “start”, no ínício da tragédia de todo o PT no país, quando filmou a corrupção que existia nos CORREIOS, onde se “faturava” grana para o governo de LULA, que segundo o dep. fed. ROBERTO  JEFERSON (PTB), era verba para o mensalão do PT, sob o comando do famoso JOSÉ  DIRCEU, que era o chefe da Casa Civil do então presidente LULA.

MAIS DOIS FILMES ?  Ora, o cineasta MARCUS  BALDINI, bem que poderia fazer mais dois filmes contando a história do motorista  ERIBERTO e do advogado JOEL DOS SANTOS FILHO.  A história do JOEL, dá um filme de longa metragem, pois até hoje a Polícia Federal, está de posse de seu computador apreendido em Curitiba, e NUNCA ENCERROU O INQUÉRITO, e cuja  prisão em Curitiba foi complemente ILEGAL. Nunca provaram nada contra o JOEL.

O COMPLÔ PARA DERRUBAR O LULA.  O  advogado JOEL, que frequenta a Boca Maldita de Curitiba, contou-me que ao ser interrogado pela Polícia Federal em Brasília (ficou preso lá por uma semana), eles levantaram a supeita  que o JOEL FAZIA PARTE DE UM GRUPO  POLÍTICO  SECRETO, QUE TINHA  COLOCADO  EM PRÁTICA UM  PLANO PARA DERRUBAR  O   LULA DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA.  Nunca foi nada disto. Viajaram na maionese. O JOEL atirou com espingarda de pressão de chumbinho num pardal  (corrupção nas licitações dos CORREIOS),  e acertou num baita elefante  (a mega corrupção gigante do mensalão do PT).  Esta história sim, dá um baita filme.

PORTO DE PARANAGUÁ VAI SER PRIVATIZADO ? DILMA PROMETE

INFORMAÇÃO ESTÁ NA COLUNA RADAR – VEJA DESTA SEMANA.  A presidente DILMA, diz que as próximas “PRIVATIZAÇÕES-CONCESSÕES”, vão acontecer nos portos do Governo Federal.  Ora, se isto acontecer, o PORTO DE PARANGUÁ, vai entrar nesta dança das “privatizações estilo PT”, já que este Porto é do Governo Federal, e está em regime de concessão para o Estado do Paraná, cujo porto só tem dado polêmica e mais polêmicas, inclusive com uma, agora,  de venda de cargos de confiança, numa  inusitada  bolsa de;  “mercado a futuro de cargos de confiança”.

BERRO DE CABRITO EMBARCADO.  O senador ROBERTO  REQUIÃO (PMDB), deve berrar mais do que cabrito embarcado se a DILMA  privatizar os  portos  do país. Motivo. O REQUIÃO  é um estatizante fanático, empedernico. Vejam o que pensa REQUIÃO sobre privatização dos portos do país:

“Os portos, que são a porta de entrada e de saída do País, têm que ser públicos”, afirma o explosivo senador Roberto Requião (PMDB-PR), em entrevista exclusiva ao DCI, ao detalhar uma de suas novas bandeiras de luta – o combate ao projeto de privatização dos portos, apresentado pela senadora Kátia Abreu (PSD-TO), que é presidente da Confederação Nacional da Agricultura (CNA).”