Archive for 22 de Janeiro, 2013

ANNEL ALERTA A NAÇÃO E PRESIDENTE DILMA

” ANNEL É CATASTROFISTA ”  VÃO DIZER OS PUXAS DO PT.  Li e não acreditei na manchete abaixo, produzida pela ANNEL – Agência Nacional de Energia Elétrica, do próprio Governo Federal, pois até hoje estas porcarias de agências montadas desde a privatização das empresas estatais, só tem atuado na proteção das empresas que representa e na defesa “política” das “otoridades” de plantão no Governo Federal.  

DILMA E GLEISI VÃO PUXAR A ORELHA  DOS DIRETORES DA ANNEL ?  Após a divulgação desta notícia  “catastrofista” (como dirão os puxa sacos do PT), os diretores da ANNEL já devem ter recebido um puxão de orelha  ou poderão até ser dispensados de seus cargos.  Em que pese e  apesar do fanatismo pólítico petista, fica o alerta da ANNEL  para a  presidente DILMA e a todos os brasileiros.  Há falha na política energética do governo da DILMA ? Vejam a notícia  publicada no site Bol  Notícia de 22/1/13 :

Para Aneel, há risco de faltar luz em cidades brasileiras durante a Copa do Mundo

”  RENATA AGOSTINI DE BRASÍLIA.      O fornecimento de luz para a Copa do Mundo de 2014 está ameaçado em boa parte das cidades-sede, diferentemente do que vem sustentando o governo. É o que mostra um relatório da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), finalizado em dezembro e obtido pela Folha.

A menos de um ano e meio da abertura dos jogos, mais da metade dos 163 empreendimentos necessários para garantir o fornecimento de energia está atrasada, segundo o documento.

Apenas 2 das 12 capitais que receberão partidas estão com as obras totalmente em dia: Fortaleza e Recife. Em todas as demais –Brasília, São Paulo, Belo Horizonte, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Salvador, Manaus, Cuiabá, Natal e Curitiba– há atrasos em relação ao cronograma definido pelo governo.
Na lista de empreendimentos há novas linhas de transmissão e de distribuição, além da ampliação e da modernização de subestações de energia. As obras visam evitar apagões tanto nos estádios quanto nos aeroportos e nas ruas das cidades. As capitais que mais preocupam são Porto Alegre, onde 25 das 26 obras, conduzidas pela concessionária CEEE, estão fora do prazo, e Brasília, que apresenta atraso em 10 dos 11 empreendimentos exigidos da CEB.  “……………………………..
Anúncios