Archive for 26 de Fevereiro, 2013

DOENTES MENTAIS VAGAM PELAS RUAS DO PAÍS…….

560065_486578664737065_60645964_n

“Quando o Crato voltou a ser senzala.

No dia 06 de fevereiro de 2013, ás 15h, na Rua Bárbara de Alencar, centro comercial do Crato, Francisco do Nascimento foi amarrado a um poste e assim permaneceu durante duas horas. O motivo: em surto, teria quebrado vidraças de lojas.

Francisco do Nascimento, morador do bairro São Miguel possui histórico de outros atentados, como pôr fogo no carro de um vizinho. Ele também possui diversas entradas no Hospital Psiquiátrico Santa Tereza. Segundo a sobrinha, a família não sabe mais o que fazer com Francisco do Nascimento: no hospital não há vagas e ele se torna cada vez mais violento.

Durante as duas horas em que ficou amarrado, algumas pessoas tentaram libertá-lo, ato que foi violentamente rechassado pelos dois homens que o prenderam. No mais, a multidão, estonteada, admirava estupidamente o espetáculo do homem que gritava, rugia e pedia por socorro. Diversas autoridades estiveram no local, a exemplo de soldados do Ronda, que observando impávidos, deixaram Francisco na mesma situação com a alegação de que não transportavam doido.

Mas há um outro histórico que pesa sobre Francisco do Nascimento: nasceu negro e pobre. E pior: necessita de acompanhamento psiquiátrico. Dessa forma, por ser negro, pobre e louco, Francisco Nascimento pôde ser amarrado, exposto a ridicularização pública e violentado em sua dignidade humana , tal qual seus ancestrais.

De minha parte, só não podia acreditar que, após tantos séculos, ainda iria presenciar um negro sendo imolado em praça pública.” (Texto da colega do fecebook, VAL NAVARRO).

A EXPLICAÇÃO DAS CAUSAS DESTA DESGRAÇA:

VAL NAVARRO.

ISTO ESTÁ ACONTECENDO PORQUE O HADAD (PT), ATUAL PREFEITO DE SÃO PAULO, QUANDO MINISTRO DA SAÚDE, FECHOU OS HOSPITAIS PSIQUIÁTRICOS, SOB A ALEGAÇÃO DE QUE OS DOENTES MENTAIS PODERIAM CONVIVER PACIFICAMENTE COM SEUS FAMILIARES.

LEDO ENGANO. MUITOS DOENTES MENTAIS HOJE VIVEM ASSIM, COMO ESTE POBRE COITADO, QUE TEM FAMÍLIA, PORÉM RECUSA SEU CONVÍVIO, QUANDO NÃO, É REJEITADO PELA FAMÍLIA….. E ……..DEU NO QUE DEU…….SEI DE OUTROS CASOS HORRIPILANTES DE DOENTES MENTAIS ASSASSINOS QUE RODAM AÍ PELO PAÍS AFORA……….

A SOLUÇÃO SIMPLISTA E ECONÔMICA DO HADAD E DO ESTADO FALIDO, FOI ESTA…….SEM GRANA ? SOLTEM OS DOENTES PELAS RUAS E DEIXEM ROLAR……”PARABÉNS” AO HADAD QUE DEU ESTE BELO PRESENTE A NAÇÃO…….
Anúncios

URBS PODERÁ PERDER CONTROLE DO SISTEMA DE TRANSPORTES ?

VEREADOR DO PSC PEDE SECRETARIA DO TRANSPORTE COLETIVO PARA TIRAR CONTROLE DA URBS

Caso o prefeito de Curitiba, GUSTAVO FRUET (PDT+PT etc.), aceitar a sugestão do vereador ROGÉRIO CAMPOS (PSC), para implantação da SECRETÁRIA DOS TRANSPORTES, a competência da atual gestora do sistema,  empresa URBS, poderia perder totalmente o poder de gerênciamento do sistema de transporte coletivo de Curitiba, e assim poder-se-ia  ABRIR A CAIXA PRETA DA URBS, em cuja caixa encontram-se os segredos mais secretos do tal custo da planilha que forma o custo da tarifa ou preço de passagem de ônibus em Curitiba.   Vejam a ousada e corajosa  proposta que recebi do vereador ROGÉRIO do PSC de Curitiba, que poderá ser o caminho para descoberta de muitos segredos e “otras cositas mas”…………..

“O vereador do PSC Rogério Campos acaba de protocolar o pedido de criação da Secretaria Municipal do Transporte Coletivo. Assim a URBS, que gerencia o sistema hoje, terá que transferir todas as suas atribuições à secretaria. A nova pasta terá por função estudar as necessidades de ampliação da frota e horários, pois o sistema está sobrecarregado, realizar estudos sobre a fixação e alteração do preço da tarifa, além de controlar e fiscalizar os serviços prestados à população. 

O objetivo com a regulamentação da secretaria é garantir transparência, racionalização e eficiência do sistema, que sob o comando da URBS é falho.

O vereador Rogério Campos, que representa a categoria de motoristas e cobradores tomou essa decisão depois da audiência pública realizada pela URBS na última sexta-feira, quando foi discutido o novo preço da passagem, que ficaria em torno de 2,80 reais.
“Temos cobrado transparência da URBS, sem retorno. Como todos sabem a URBS é uma caixa-preta. Com a secretaria teremos mais transparência. O novo valor da passagem por exemplo nós não sabemos se é o justo”, afirmou Campos.

O líder da bancada do PSC, mestre Pop apoia a criação da secretaria. “A URBS nunca ofereceu um transporte de qualidade. Os ônibus são superlotados. Faltam linhas, mais veículos em horário de pico. E o povo tem o direito a isso, pois paga caro pela passagem”, argumentou Pop.

“A nova secretaria vai gerenciar o sistema, os equipamentos, a frota, as linhas, o itinerário, terminais, número de passageiros, valor arrecadado. Assim vamos recuperar o modelo de transporte de primeiro mundo, já que a URBS vem há anos alimentado o corporativismo e o protecionismo”, concluiu Campos. “