Archive for 29 de Outubro, 2013

VOCÊ SABIA ?……….

VOCÊ SABIA QUE ESTE PAÍS BATE RECORDES EM JUROS PREDATÓRIOS ?

Juro médio chega a 28,4% em setembro, o maior desde maio de 2012…..

PASMEM..Para o consumidor pessoa física, a taxa média chegou a 37,2% no mês; já para as empresas, ficou em 20,7%, considerando recursos do crédito livre…..

Anúncios

SONHO DE RATINHO JUNIOR ESTÁ SENDO MATERIALIZADO…. METRÔ DE CURITIBA AGORA VAI “ANDAR NOS TRILHOS’ ….

RATINHO  JUNIOR E O METRÔ DE CURITIBA.  RATINHO JUNIOR, quando no primeiro mandato de dep. federal, ele desengavetou NA PRESSÃO, um pré -projeto (do metrô), que estava “dormindo”  nas gavetas no IPPUC (da Prefeitura de Curitiba) POR  NOVE ANOS, cujo pré projeto estava em completo processo de dormência anestésica,  APLICADA (na marra)   PELOS  “GRÃOS SENHORES”, donos das empresas do transporte coletivo da Capital, que boicotaram por longos 20 anos a implantação do metrô da Capital, com a conivência de diversos governantes de Curitiba.

FINALMENTE RATINHO JUNIOR ACABOU VENCENDO O PODEROSO LOBY. Nestes últimos anos, RATINHO JUNIOR, e sua equipe, sofreram todo o tipo de pressão e não cederam.  RATINHO, continuou firme no seu  propósito de ver seu sonho realizado.  Hoje li no blog do F. Campana (abaixo), que finalmente vai ser materializado o sonho do RATINHO JUNIOR ….

…….O METRÔ DE CURITIBA COMEÇA A SE TORNAR REALIDADE E VAI LITERALMENTE….”ANDAR NOS TRILHOS”…..VEJAM OS DETALHES….

Ratinho Junior,
de alma lavada

”  O político mais feliz do País, hoje, é o deputado federal licenciado, e atual secretário estadual do Desenvolvimento Urbano do Paraná, Ratinho Junior. Lá atrás, em 2007, aos 26 anos de idade, ao constatar a saturação do trânsito curitibano, ele buscou uma alternativa. E percebeu que o metrô poderia desobstruir o trânsito e dar melhor qualidade de vida, rapidez e conforto à população. “Principalmente aos trabalhadores e estudantes que madrugam nesta cidade”, argumentava. Assim, sem titubear, Ratinho Junior foi à luta. Buscou aliados. E, com o apoio de toda a bancada paranaense, ele apresentou emenda ao PPA de 2008/2011 da União para garantir verbas ao primeiro trecho do metrô de Curitiba.

Hoje, com o acordo viabilizado entre Governos Federal, Estadual, Municipal e, ainda, com a iniciativa privada, Ratinho Junior vê o seu sonho antigo se transformar em coletivo para beneficiar, no futuro, todas as pessoas desta cidade. “Estou muito feliz!”, resume. ”

BALANÇO DA CPI DO TRANSPORTE COLETIVO DE CURITIBA….

Vai ter gajos  indiciados nesta  CPI ?   Sim…..vai sim……

PRIMEIRA CPI SEM PIZZA EM 50 ANOS.  Recebi do vereador JORGE BERNARDI,  um breve balanço da CPI que apurou os “rolos” no sistema de transporte coletivo da URBS  (Prefeitura  de Curitiba),   cujo resultado foi positivo e provou que  existe CPI SEM PIZZA……..Vejam….

– 28 Audiências;    110  Horas de interrogatórios;   26  Pessoas prestaram depoimentos;    4- Diligências;        Milhares de documentos examinados;    e…mais esta bomba:

TÊM  LUCRO E NÃO PREJUÍZO.  A  CPI  descobriu com provas que as empresas têm lucro de R$  110 MILHÕES DE REAIS POR ANO, o que contraria completamente a surrada e cansada “cantilena marketeira”  de prejuízos….  Esta revelação comprovada, coloca o prefeito GUSTAVO  FRUET (PDT+PT+PPS+etc), numa baita saia justa, já que com esta revelação bomba, ele não poderá mais aceitar a “tarifa técnica”  de R$ 2,99 e….vai ter que se mexer, se não o fizer….os protestos de ruas o farão se mexer….

NA BOCA MALDITA DE CURITIBA….FOCADOS O PT E O PREFEITO FRUET…..

ÚLTIMAS DO ÚLTIMO SÁBADO  DA BOCA DE CURITIBA.  Neste final de semana o tempo ajudou e a Boca ferveu de “boqueiros”, onde foram destaques estas notícias  que lá pesquei:

PLANO “B” DO PT NA SUCESSÃO ESTADUAL.  Ouvi de um gajo bem informado, dizer que a cúpula do PT do Paraná se reuniu na semana passada,  para analisar um plano alternativo para a candidatura ao Governo do Paraná.  O plano “B” do PT seria o de lançar na sucessão estadual o ex- senador OSMAR DIAS (PDT), preservando assim o nome da GLEISI HOFFMANN (PT).  O PT formaria dobrada com o OSMAR DIAS, lançando o candidato a vice.

UM NOVO APELIDO PARA O PREFEITO GUSTAVO FRUET DE CURITIBA.  Um ex vereador de Curitiba, que era fanático pela eleição do atual prefeito GUSTAVO FRUET (PDT+PT+PPS + etc), declarou-me que está super decepcionado com seu ex – guru, e meio raivoso,  sugeriu um apelido para o GUSTAVO FRUET……………..QUAL FOI ?……… 

“GUGA – BAIKE”; foi a sugestão do “ex – fan – ático”.    

”  Chamem ele de “GUGA BAIKE”, pois  até agora  o maior programa do prefeito GUSTAVO  FRUET, foi o fechamento das ruas do Centro Cívico, com uns cones de sinalização, para meia dúzia de “baikeiros” fingirem que usam este espaço…….”  Disse o….. “decepcionado gajo”…

“GAZETA DO POVO” E O PREFEITO FRUET DE CURITIBA….

COBRANÇAS……COBRANÇAS….  O jornal A Gazeta do Povo de Curitiba, na edição do dia 27/10/2013, publicou uma extensa “reportagem – cobrança”,  do  prefeito  GUSTAVO FRUET (PDT+PT+PPS etc.), relembrando que neste mês de outubro  de 2013, o FRUET completa um ano de  exercício no  poder discricionário  (poder de império), cobrando resultados ainda não atingidos na sua administração…Vejam a cópia “ipsis literis” da matéria….

Um ano depois da eleição, a quantas anda a gestão Fruet?

fruet - AM

” Nesta segunda-feira, a eleição de Gustavo Fruet para a prefeitura de Curitiba, em segundo turno, completa um ano. Somados o período de transição e o de governo, já parece suficiente para ver a quantas caminha a gestão do pedetista. É claro que ainda é cedo para julgamentos mais amplos. Mas pode-se ver alguma tendência no que foi feito até aqui.

Transportes

Sem dúvida, foi o principal foco do novo prefeito. Começou uma auditoria na Urbs que parece indicar problemas na licitação e na operação do sistema. A base do prefeito na Câmara organizou uma CPI que mostrou basicamente os mesmos problemas. Pressionado pelas manifestações de junho, Fruet também baixou o preço da tarifa, injetando subsídio.

Agora, parece estar à beira de anunciar mais novidades. Uma delas seria o novo financiamento do metrô por parte do governo federal (coisas da política brasileira: o mito do eterno retorno aqui não é mito). Outra seria uma fórmula que parece um tanto tirada da cartola para baixar a tarifa do ônibus a preços de queima de estoque. A ver.

O verdadeiro nó górgio aqui parece ser qual medida tomar em relação às empresas. Mesmo baixando a tarifa, se isso acontecer, elas continuarão a receber uma tarifa técnica de R$ 2,99 prestes a subir para R$ 3,17. Ou seja: cobra-se menos na catraca mas alguém (e somos nós) está arcando com o resto. Caso haja irregularidades comprovadas, Fruet erá coragem de romper os contratos?

Saúde e educação

Na área de saúde, Fruet começou contratando profissionais e ampliando horários de unidades de saúde. Também aumentou o orçamento para 2014. O atendimento, mesmo assim, continua longe do ideal. Difícil saber se no médio prazo as medidas resolvem algo ou se vão só colocando band-aid em sangria. O tempo dirá.

Na educação, o resultado é muito menos interessante. Na campanha, o prefeito prometia fazer da educação o seu “grande legado imaterial”. Prometeu para isso aumentar a fatia do setor para 30% das receitas correntes líquidas. Entra no segundo ano de governo bem abaixo disso e com um crescimento que não parece promissor. Chegar ao prometido só no quarto ano dará à medida um ar eleitoreiro.

Trânsito

Fruet se comprometeu a melhorar a fluidez dos ônibus. A fazer 300 quilômetros de ciclorrotas. A implantar o metrô. Etc. Até agora, pouco andou de fato neste ramo. É cedo? É. Esperemos. Na área de trânsito, a grande jogada foi uma campanha com uma vovozinha simpática dizendo o que todo mundo já sabe. Em todo caso, melhor do que gastar dinheiro de publicidade com autopromoção. Também foi aprovada a criação dos agentes de trânsito, mas parece que a atuação deles continua frágil. Pior: a política com os radares foi mantida e piorada. Os infratores riem à toa com tradares sinalizados e a política de ser mais educativo e menos punitivo.

Classe média

Assim como seus antecessores, Fruet vem sendo um prefeito que ouve a classe média acima de todos. A diferença é que cede mais à pressão. Dirá que se trata de governar em parceria com a população. Mas às vezes fica parecendo que governa-se em favor de quem grita mais alto. Pediram para não mexer na Praça do Japão. Para-se o ônibus para não incomodar quem vive lá. Pedem para parar as calçadas no Batel. Para-se tudo imediatamente. Campanha pelo Passeio Público? Os outros parques estão esquecidos, mas vai-se lá aonde se ouviu o grito. O negócio agora é bichinho? Cris-e uma Guarda Municipal para eles! Não é que as medidas sejam ruins, pelo contrário. Mas mostram falta de planejamento e um desejo desesperado de agradar a quem quer que seja o tempo todo. Age-se na emoção e de acordo com a gritaria.

Câmara

Houve avanços na atuação da Câmara, é verdade. Mas a relação de dominação parece a mesma de sempre. Fruet conseguiu apoio de 36 dos 38 vereadores. É uma situação antidemocrática, em que não há oposição, não há contraditório. O prefeito tem um aliado de longa data na presidência que bate no peito ao dizer que baixou a tarifa do ônibus. O prefeito não o desmente, embora saiba que vereador não interfere em preço de nada. Os vereadores agem em interesse do prefeito até quando investigam algo: veja-se que só se investigam os desafetos de Fruet.

Nepotismo

Só para não deixar passar. A família Fruet vai bem, obrigado. “