Archive for Dezembro, 2016

A NOTÍCIA É INCRÍVEL….DÁ PARA CRER?

A FONTE É SERIA….Esta notícia foi publicada pelo site Diário do Brasil de Brasília, sendo portanto de fonte credenciada….Pelo sim ou pelo não transcrevo….É incrível esta notícia….Vejam….

Brasileiro de 57 anos inova e cria gasolina sem petróleo. O resultado? Ele foi preso!

 

campobom

Um químico de 57 anos conseguiu simplificar o complexo processo de produção da gasolina e criou um genérico do combustível com preço infinitamente mais barato

 

Gilmar dos Reis, 57 anos, foi preso em flagrante no último dia 14 em Campo Bom, RS.

 

Ele é acusado de ‘explorar o negócio’ sem autorização da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

 

Gilmar tentou disfarçar e disse que o produto, chamado de Solvex CG, era usado para higiene e limpeza.

 

Agentes da Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam) fizeram o teste em uma moto e ficaram impressionados:

“O combustível apresenta elevada eficiência carburante tanto na baixa quanto na alta rotação”, definiu o chefe de Fiscalização.

 

A gasolina genérica seria uma mistura de metanol e solventes, com um processo de produção ainda desconhecido.

 

“Impressionante. Chega com o tanque vazio, coloca aquela gasolina e sai andando normalmente. Estávamos diante de um ‘professor pardal’, que conseguiu criar uma fórmula sem o petróleo como matéria-prima”, disse o delegado de polícia que acompanhou a operação.

Anúncios

SENADOR RENAN CALHEIROS DO PMDB COLOCA SENADO EM CAUSA PRÓPRIA….

RENAN QUER ACABAR COM O MINISTÉRIO PÚBLICO DO PAÍS….Num ato insano, contra os princípios éticos da Constituição, e pior, EM CAUSA PRÓPRIA, este senador nefasto ao país quer uma lei de garroteamento do Ministério Público, como forma de uma “vendeta” contra esta instituição que vem cumprindo exemplarmente seu papel nestes dias de corrupções  devastadoras no Brasil.  

STF (SUPREMO) ENGAVETADOR.  Só este senador tem uns DOZE PROCESSOS  POR CRIME ENGAVETADOS NO STF (SUPREMO)….Uma vergonha para o país….Vejam a insistência absurda deste gajo malandro que quer lei em causa própria….(Ref. site PapoTV)…..

Renan Calheiros propõe o fim do Ministério público

POLÍTICA há 5 dias atrás

Renan Calheiros propõe o fim do Ministério público 

 

Um dia depois de ser denunciado pelo Ministério Público Federal por corrupção e lavagem de dinheiro, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), voltou a mirar sua artilharia contra aqueles que considera seus algozes: o peemedebista afirmou que o MP “perdeu a condição de ser fiscal da lei” e pautou nesta terça-feira o projeto de sua própria autoria que endurece as penas para os crimes de abuso de autoridade. As medidas são voltadas para servidores públicos e atingem diretamente juízes, promotores e procuradores.

Ao afirmar que o MP perdeu a condição, Renan automaticamente propôs o fim da instituição. O órgão que funcionou até agora e prestou inúmeros serviços à democracia do país, simplesmente passou a ser desprezado pelo presidente do Senado após ele ser denunciado pela Procuradoria nesta segunda-feira pelo recebimento de propina no valor de 800.000 reais pagos pela empreiteira Serveng em troca do apoio político para a manutenção de Paulo Roberto Costa no cargo de diretor de abastecimento da Petrobras.  

CASAL GLEISI E PAULO BERNARDO (PT)…COMPLICADOS NO CASO “FUNDO CONSIST”…..

PRIMEIRA DERROTA NO RUMOROSO CASO “CONSIST”…Esta li no site do F. Campana. É a primeira cacetada quer o casal leva na justiça, somente neste processo….Têm outros processos  a caminho….Vejam os detalhes….

Gleisi e Bernardo perdem mais uma na Justiça

unnamed

Fundo de propina – O petista Paulo Bernardo, ex-ministro do Planejamento e marido da senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), sofreu sua primeira derrota na ação da qual é réu na Justiça Federal em São Paulo, sobre desvios em contrato de crédito consignado na pasta. O juiz Paulo Bueno de Azevedo rejeitou o pedido de absolvição sumária e reforçou a consistência dos indícios contra o petista. As informações são de Débora Bergamasco no IstoÉ. 

 

 

A decisão é do último dia 1º. “Nas planilhas financeiras de Guilherme Gonçalves [advogado do ex-ministro] (…) há indícios de pagamentos de despesas de Paulo Bernardo, com dinheiro saído de um ‘Fundo Consist’”. Consist era a empresa que possuía o contrato com o ministério.

 

Nem vem – O juiz também rejeitou argumento de Guilherme Gonçalves de que buscas em seu escritório violaram prerrogativas da advocacia e que deveria ser consultado.

LINDBERGH FARIAS (SENADOR PT)…..EX-CHEFE DOS “CARAS PINTADAS” QUE DETONOU O ENTÃO PRESIDENTE COLLOR……. FOI CONDENADO….

O SENADOR COLLOR QUE FOI FUSTIGADO PELO ATUAL COLEGA LINDBERGH DEVE ESTAR RINDO”……

JUSTIÇA  FOI  TARDIA MAS NÃO FALHOU…..E CONDENOU O SENADOR NERVOSINHO DO LULA.  O fanático “lulista”, senador LINDBERGH,  ferrenho defensor do LULA no Senado,  foi condenado por atos de corrupção quando foi prefeito de Nova Iguaçu…Ele se defende dizendo que o processo foi arquivado no STF….Ué, mas como é que  o processo corria ainda há anos na Comarca de Nova Iguaçu ?  Alguma coisa está errada na defesa do gajo do “LIND”…A NOTÍCIA É DO SITE UOL  BOL DE HOJE….

Justiça do Rio suspende direitos políticos do senador Lindbergh

17/12/201619h11 

 

Do UOL, em São Paulo 

  • Jonas Pereira/Agência Senado

    Lindbergh alega que STF já arquivou processo sobre o tema

    Lindbergh alega que STF já arquivou processo sobre o tema

 

A Justiça do Rio decidiu suspender os direitos políticos do senador Lindbergh Farias (PT-RJ) por quatro anos. A decisão foi divulgada na noite de sexta-feira (16). O parlamentar promete recorrer.

 

A juíza Nathalia Calil Miguel Magluta, titular da 5ª Vara Cível da Comarca de Nova Iguaçu-Mesquita, na Baixada Fluminense, condenou-o por ter permitido o uso promocional de sua imagem, em dezembro de 2007 e no primeiro semestre de 2008, quando ocupava o cargo de prefeito de Nova Iguaçu (RJ) e se candidatava à reeleição.

Na época, o então prefeito distribuiu caixas de leite e cadernetas de controle de distribuição com o logotipo criado para o seu governo impresso no material. Na sentença, a juíza também condenou o ex-prefeito ao pagamento de multa no valor de R$ 480 mil.

 

“O réu usou seu cargo e o poder a ele inerente para beneficiar-se em sua campanha à reeleição. O réu causou dano ao gastar verba pública na criação do símbolo, sua inserção em campanhas e sua propagação, associada a seu nome, em situações em que não era necessário”, escreveu a magistrada na sentença.

 

Lindbergh alega que o STF (Supremo Tribunal Federal) já o absolveu. “A Justiça de primeiro grau de Nova Iguaçu me condenou pela utilização de uma logomarca – um sol estilizado, com a inscrição ‘Prefeitura de Nova Iguaçu’ – em embalagens de leite de um programa municipal, alegando que isso seria promoção pessoal. Essa mesma matéria já foi julgada em 2011, pelo STF, que decidiu pelo seu arquivamento, com 10 votos a favor, por entender não haver indícios para incriminar-me”, disse o senador por meio de nota enviada pela sua assessoria de imprensa.

 

“Estamos recorrendo dessa decisão para que a justiça seja feita e a verdade reestabelecida”, finaliza o texto do petista.

 

Nesta semana, a juíza Marianna Medina Teixeira, da 4ª Vara Cível de Nova Iguaçu, também tomou uma decisão desfavorável ao parlamentar. Ela decidiu bloquear os bens dele depois de o Ministério Público apontar irregularidades no convênio firmado por Lindbergh para realizar a Bienal do Livro de Nova Iguaçu, em 2005, também durante o mandato como prefeito.

DEPOIMENTO DO ZELADOR (DEMITIDO) DO TRIPLEX DO LULA NO GUARUJÁ…..DETONA ADVOGADO DE DEFESA DE LULA……

ZELADOR TESTEMUNHA AFIRMA QUE O TRIPLEX DO GUARUJÁ….É DO LULA…..A tática de defesa do advogado (nervosinho) do LULA (PT), de mascarar a propriedade do triplex que o LULA adquiriu “fajutamente”, foi  fulminada e explodida pelo zelador do prédio ao depor na Justiça Federal de São Paulo, quando disse no depoimento que o LULA e a esposa agiam como se fossem donos do triplex, e afirmou que todos os moradores do prédio sabiam que o LULA era o dono do malfadado triplex,

A MANOBRA QUE NÃO DEU CERTO.  Hoje o triplex é recusado pelo LULA PARA DESCARACTERIZAR UMA GROSSA CORRUPÇÃO  onde ele mergulhou antes, achando que ninguém iria descobrir a manobra.  (Ref. Diário do Brasil – Brasília 16/12/16).  Vejam a paulada do coitado do zelador desempregado porque falou a verdade contra o poderoso LULA….

Zelador do triplex depõe em Curitiba e humilha advogado de Lula: “Vocês são um bando de lixo” (vídeo)

zeladordpem

zelador José Afonso Pinheiro, do Condomínio Solaris, no Guarujá, é uma das testemunhas da investigação sobre o tríplex que seria de Lula

 

José Afonso prestou seu depoimento hoje para o juiz Sérgio Moro a não baixou a cabeça para o advogado de Lula:

“Vocês me colocaram em uma situação que eu não tenho culpa nenhuma. Eu perdi o meu emprego, perdi a minha moradia e você vem querer me acusar?”

 

E Afonso continuou o massacre contra o advogado de Lula:

 

“Quem é você para falar alguma coisa contra mim? Vocês são um bando de lixo”

POLÍTICOS DE BRASÍLIA DESMORALIZADOS SÃO HOSTILIZADOS NOS AEROPORTOS DO PAÍS….

“NO  CORREDOR  DO  PÂNICO”……

VIDA DIFÍCIL DOS PARLAMENTARES COORRUPTOS QUE VOTAM CONTRA O DESEJO DO POVÃO…Os parlamentares do Congresso  Nacional, da banda podre da política, estão encontrando sérias dificuldades em sua  segurança pessoal, quando transitam nos aeroportos do país e ou mesmo em outros locais públicos como restaurantes etc….Alguns correm o risco até de apanhar de pessoas mais afoitas, que não aceitam o comportamento desses políticos que mancham a Nação….Vejam o calvário aeroportuário dos gajos malandros ….(Ref.Veja.com 16/12/116)……

 

BrasilPolítica

Aeroporto: o inferno dos políticos corruptos

Por medo de hostilidades, parlamentares estão evitando viagens. Em Brasília, a Câmara destacou seguranças para proteger deputados e senadores nos terminais 

Revista Veja Matéria: Políticos hostilizados pela população Personagem: José Guimarães, deputado Federal Foto: Cristiano Mariz Data:15/12/2016 Local: Aeroporto Internacional de Brasília -   Brasília - DF

José Guimarães no aeroporto de Brasília: “Cadê o dinheirinho, deputado?”, perguntam os manifestantes

Uma distância de menos de 100 metros separa a entrada do Aeroporto Juscelino Kubitschek, em Brasília, do portão de embarque para voos nacionais. O trajeto, ladeado de guichês para a emissão de bilhetes aéreos, pode ser concluído em menos de um minuto – tempo que passaria despercebido para a maioria dos passageiros que por ali circula, mas o caminho mais assustador para os políticos que voltam para casa todas as semanas. É onde o povo – ou simplesmente manifestantes – tem a oportunidade de um encontro cara a cara com algumas notórias personalidades normalmente inatingíveis.

“Olhem, é o deputado do dinheiro na cueca. Cadê o dinheirinho, deputado?” Assim foi recebido José Guimarães (PT-CE), o ex-líder do governo Dilma Rousseff, na última quinta-feira, ao dar os primeiros passos no corredor do pânico. E seguem os xingamentos: “Safado”! “Corrupto!”. Os manifestantes se referiam ao famoso caso em que um assessor do petista foi flagrado com dólares na cueca, em 2005.

 

Revista Veja Matéria: Políticos hostilizados pela população Personagem: José Guimarães, deputado Federal Foto: Cristiano Mariz Data:15/12/2016 Local: Aeroporto Internacional de Brasília - Brasília - DF

Deputado José Guimarães embarca escoltado por seguranças legislativos

Era a segunda investida dos manifestantes.  A primeira foi  contra o deputado Celso Russomano, do PRB de São Paulo.  “Ladrão!” “La…”! Alguém avisou que Russomano não estava envolvido na Lava Jato.  O publicitário Fernando Souza, 29 anos, explica que eles procuram “os peixes grandes da Lava Jato”.  “Cadê o Waldir Maranhão?”, perguntou outro.

A passagem pelo saguão do aeroporto é inevitável para deputados e senadores. À exceção dos presidentes das Casas, que têm a exclusividade de uma aeronave da Força Aérea Brasileira (FAB) à disposição, todos os demais parlamentares que quiserem viajar custeados pelo poder Legislativo têm de circular entre os demais passageiros.

Quem não quiser se arriscar tem de seguir os passos da senadora Gleisi Hoffman ( PT.-PR).  Ré por corrupção, ela decidiu mudar de vez para Brasília. Hostilizado em Curitiba, ela trouxe os filhos para a capital e pretende dar um tempo de aeroporto.

Ministros do governo Temer também buscam se preservar. Entre os motivos para solicitar voos da FAB, Henrique Meirelles (Fazenda) e o enrolado Eliseu Padilha (Casa Civil) são recordistas em alegar questões de segurança. Ministro demissionário da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima recorria às mesmas argumentações quando viajava para sua residência, em Salvador.

Revista Veja Matéria: Políticos hostilizados pela população Polícia legislativa conversa com manifestantes Foto: Cristiano Mariz Data:15/12/2016 Local: Aeroporto Internacional de Brasília - Brasília - DF

Disfarçados, policiais da Câmara tentam negociar com manifestantes

O clima no aeroporto de Brasília anda tão pesado que a equipe da Polícia Federal que atua no saguão deixou de ser considerada suficiente para conter manifestantes mais radicais.   Desde o início do mês, seguranças legislativos foram destacados para proteger os parlamentares — na surdina. De calça jeans, camisetas e sem nenhuma identificação, eles ficam à espreita.

No bolso, carregam equipamentos de segurança que vão de sprays de pimenta a pistolas. Em dias mais movimentados – normalmente às terças e quinta-feiras – quatro agentes tomam conta do curto trajeto entre o carro e o embarque. Nos demais dias, o contingente cai à metade.

“As manifestações estão cada vez mais frequentes. É a intolerância aliada ao efeito manada. Um vaia, dois vaiam, quando se vê estão todos vaiando sem nem saber o que é”, explica o diretor do Departamento de Polícia da Câmara, Paul Deeter. “Ninguém está ali para proibir manifestação. A gente só não quer que agridam os deputados ou cheguem a uma distância além do tolerável”, continua. Os policias têm autorização para acompanhar os congressistas até a porta do avião.

A ação dos manifestantes é sempre seguida por celulares a postos para gravar o ato e lançar nas redes sociais. No início do mês, o deputado Weverton Rocha (PDT-MA), autor da emenda que incluiu o crime de abuso de autoridade no pacote de medidas contra a corrupção, teve um tomate esmagado no ombro por um homem que o acusava de tentar enterrar a Lava Jato.

Ele credita a ação a uma tentativa de criminalizar a política. “Vou continuar com a minha rotina. Nós não vamos nos acovardar para qualquer tipo de prática que beira o fascismo”, afirmou.

Revista Veja Matéria: Políticos hostilizados pela população Personagem: Orlando Silva, deputado Federal Foto: Cristiano Mariz Data:15/12/2016 Local: Aeroporto Internacional de Brasília - Brasília - DF

Orlando Silva: disfarçado e observado por seguranças

Não só os policiais estão disfarçados no aeroporto. Os próprios parlamentares já optam por andar “descaracterizados”: sem os broches específicos dos congressistas, gravata ou até mesmo o paletó.

A caminho do embarque, o ex-ministro e deputado Orlando Silva (PCdoB-RJ) transita entre os passageiros de calça jeans, camisa entreaberta e mochila nas costas. O controverso Eduardo Bolsonaro (PSC-SP) faz questão de trocar de roupa em seu gabinete antes de viajar. Ele garante, porém, que o faz apenas pelo conforto. “A minha segurança está aqui”, diz, mostrando a arma que ele, que é policial federal, carrega.

Vencer a maratona no aeroporto é apenas uma primeira etapa. Confinados dentro das aeronaves, políticos se veem em situação ainda mais desconfortável de terem de ouvir os disparates de passageiros sem ter por onde fugir ou a quem recorrer.

Um dos episódios recentes se deu no voo entre Brasília e Belo Horizonte. Ao embarcar, o deputado Leonardo Quintão (PMDB-MG) logo foi abordado. “Por favor, nos respeite aqui dentro.

Nós estamos enojados de vocês. Evite falar de política, o povo não aguenta mais vocês”,  disse um passageiro.  “Se vierem dar porrada, a gente dá porrada. Quem não tem respeito não merece respeito”, afirmou Quintão à reportagem.

DESTA VEZ PEGARAM O LULA (PT)…CONFORME DELAÇÃO DIRETA DO GRANDE MARCELO ODEBRECHT…

Marcelo Odebrecht diz que empreiteira fez repasses a Lula

Segundo apuração do Valor Pro, o herdeiro da Odebrecht afirmou em depoimento na Lava Jato que Lula teria recebido pagamentos feitos pela empresa

 

São Paulo – O herdeiro e ex-presidente da Odebrecht, Marcelo Odebrecht, confirmou em depoimento de delação premiada na Operação Lava Jato que foram realizados pagamentos ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, inclusive em dinheiro em espécie.

As informações foram divulgadas nesta quinta-feira (15) pelo Valor PRO, serviço em tempo real do jornal Valor Econômico.

 

Segundo a publicação, o empresário afirmou que os valores destinados a Lula foram transferidos do Setor de Operações Estruturadas da Odebrecht, o departamento conhecido como a “central de propinas” da empresa a políticos e servidores públicos.

 

Ao Valor, a defesa de Lula disse que não comenta “especulação de delação” e que, segundo os advogados do ex-presidentes, nenhuma das 23 testemunhas selecionadas pelo Ministério Público Federal “confirmou qualquer das teses acusatórias”.

 

Matéria da Isto É publicada em novembro já apontava que o documento da delação premiada de Marcelo Odebrecht continha a afirmação de que Lula teria recebido dinheiro da empreiteira em dinheiro vivo.

A revista afirmou que os repasses teriam sido feitos entre 2012 e 2013, quando o ex-presidente já tinha deixado o cargo no Palácio do Planalto.

 

Relatório da Polícia Federal divulgado no dia 24 de outubro afirmou que Lula teria recebido R$ 8 milhões da empreiteira por suposta participação em esquemas de corrupção. Segundo a reportagem da Isto É, o valor repassado à Lula em espécie teria vindo desse montante.