ZÉ DIRCEU – PT – (O QUASE PRESIDENTE) NA BASE DO DITADO: “ALEGRIA DE POBRE (POLÍTICO) DURA POUCO”…….

“ALEGRIA DE POBRE DURA POUCO”….Este é um ditado popular que pode ser colocado na alegria do ZÉ DIRCEU, de ter saído da prisão pela falta da condenação em 2a. Instância no Tribunal Regional Federal da 4.a Região (Porto alegre), se considerarmos que o ZÉ  DIRCEU , é um pobre sob o ponto de vista político, já que seu retorno para a prisão  deve sair logo após o julgamento em Porto Alegre, o que não deve demorar, pela comoção social que a soltura do ZÉ provocou no país, o que acabou fortalecendo a LAVA JATO…….  

 

 

 

 

Joel na CPI dos correios/mensalão

“O QUASE PRESIDENTE”…..ZÉ DIRCEU, teve sua vida política rica, quando era o principal ministro de LULA (PT), e já estava com um pé na presidência da República, quando o advogado curitibano (ou da “República de Curitiba,” como disse o LULA), o Sr. JOEL DOS SANTOS FILHO, FEZ ESTOURAR O PRIMEIRO ESCÂNDALO HISTÓRICO CONTRA O PT NO PAÍS, quando ele filmou uma propina dada ao  diretor dos Correios (Mauricio Marinho), cujo fato deu início ao processo MENSALÃO DO PT, que tinha como chefe   justamente o ZÉ DIRCEU.  Daí o ZÉ  de rico, tornou-se um “pobre politicamente” e perdeu a aura de “milionário político”, e foi condenado. (REF. VEJAM.COM)….. 

 

 

Por que a libertação de Dirceu fortalece a Lava Jato

 

Para o ex-homem-forte do governo Lula, alívio é apenas temporário. Para a operação, decisão do STF significa solidez e coerência

 

 

 

A libertação de José Dirceu atiçou as torcidas da Lava-Jato. Petistas em geral viram na decisão de soltá-lo o começo do fim da ditadura penal de Curitiba, que vem atropelando o princípio da presunção de inocência. Antipetistas em geral entenderam que a liberdade de Dirceu é o começo do fim da operação e a lamentável reabertura do ciclo de impunidade no país.

No clima de torcidas, o ministro Gilmar Mendes, voto decisivo no STF para a soltura de Dirceu, tornou-se um alvo preferencial. Eternamente criticado por petistas e aplaudido por antipetistas, Mendes agora é o novo herói dos mortadelas e o novo vilão dos coxinhas.

O fato é que, quando a Justiça é discutida em clima de Fla-Flu, a primeira vítima é a verdade: a Lava-Jato, na realidade, acaba de ganhar músculos e não corre nenhum risco de ser empurrada para o naufrágio.

Isto porque, para o ex-ministro, é apenas um alívio temporário, considerando que sua condenação em segunda instância já está no horizonte. Para a Lava-Jato, é solidez e coerência.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: